terça-feira, agosto 25, 2009

sábado, agosto 15, 2009

Biliquê

video

Agildo e Jô Soares

Cecilia Meireles


A arte de ser feliz
.
.
Houve um tempo em que minha janela
se abria sobre uma cidade que parecia
ser feita de giz. Perto da janela havia um
pequeno jardim quase seco.
Era uma época de estiagem,
de terra esfarelada, e o jardim parecia morto.
Mas todas as manhãs vinha um pobre
com um balde e, em silêncio, ia atirando
com a mão umas gotas de água sobre
as plantas. Não era uma rega: era uma espécie
de aspersão ritual, para que o
jardim não morresse. E eu olhava para
as plantas, para o homem, para as gotas
de água que caíam de seus dedos
magros e meu coração ficava
completamente feliz.
Às vezes abro a janela e encontro o
jasmineiro em flor. Outras vezes
encontro nuvens espessas. Avisto
crianças que vão para a escola. Pardais
que pulam pelo muro. Gatos que abrem
e fecham os olhos, sonhando com
pardais. Borboletas brancas, duas
a duas, como reflectidas no espelho do ar.
Marimbondos que sempre me parecem
personagens de Lope de Vega. Às
vezes um galo canta. Às vezes um
avião passa. Tudo está certo, no seu
lugar, cumprindo o seu destino. E eu me
sinto completamente feliz.
Mas, quando falo dessas pequenas
felicidades certas, que estão diante de
cada janela, uns dizem que essas coisas
não existem, outros que só existem diante
das minhas janelas, e outros,
finalmente, que é preciso aprender a
olhar, para poder vê-las assim.

POESIA - Ary dos Santos


Original é o poeta
que se origina a si mesmo
que numa sílaba é seta
noutro pasmo ou cataclismo
o que se atira ao poema
como se fosse um abismo
e faz um filho ás palavras
na cama do romantismo.
Original é o poeta
capaz de escrever um sismo.
.
Original é o poeta
de origem clara e comum
que sendo de toda a parte
não é de lugar algum.
O que gera a própria arte
na força de ser só
um por todos a quem a sorte faz
devorar um jejum.
Original é o poeta
que de todos for só um.
.
Original é o poeta
expulso do paraíso
por saber compreender
o que é o choro e o riso;
aquele que desce á rua
bebe copos quebra nozes
e ferra em quem tem juízo
versos brancos e ferozes.
Original é o poeta
que é gato de sete vozes.
.
Original é o poeta
que chega ao despudor
de escrever todos os dias
como se fizesse amor.
Esse que despe a poesia
como se fosse uma mulher
e nela emprenha a alegria
de ser um homem qualquer.
.

Afinal, é apenas uma questão de...dimensão!!!




quarta-feira, agosto 12, 2009

Natal


Dentro de 1 mês (exactamente um mês) estarei a ver, ao vivo e a cores, esta linda cidade do nordeste do Brasil.
Estava muito longe de algum dia na minha vida o poder fazer...de poder satisfazer o meu antigo desejo de conhecer alguma coisa deste país.
Porém, alguém achou que eu merecia esta dádiva.
A esse alguém, o meu eterno e reconhecido agradecimento.

terça-feira, agosto 11, 2009

Nós, portugueses, somos assim...



PGR admite investigar casos de pessoas que não cumprem medidas de controlo.

.
A ministra da Saúde alertou ontem para o facto de existirem pessoas com “comportamentos anti-sociais” e perigosos face à propagação da Gripe A e garante ter identificado indivíduos que se recusam a cumprir as medidas de controlo do vírus, recusando, por exemplo, a colocação de máscara nas unidades de saúde.
.
Ana Jorge apontou um exemplo concreto: a mãe de uma criança infectada terá afirmado que, " já que contagiaram a sua filha", iria contagiar outras crianças indo às urgências do hospital.

.

.

Comentário pessoal a esta notícia:

É por esta, e por outras semelhantes, que eu tenho vergonha de ser português.



segunda-feira, agosto 10, 2009

Loiça Regional das Caldas da Rainha

Para bem da economia nacional, prefira os produtos portugueses...

video

O que é Nacional é bom...

domingo, agosto 09, 2009

Bom Domingo


A todos os visitantes deste blog os desejos de um excelente Domingo.

sexta-feira, agosto 07, 2009

Nada de confusões...


...não se confundam.
Eu, não sou dourado.

quarta-feira, agosto 05, 2009

Viagem...



VIAGEM...
.
A maré está em maré baixa.
Para onde foi a água salgada
E o sal que me temperou?
.
Meu barco sulca pelas águas que ficam...
Porque ficam as águas que não partem?
Quando partem as águas que ficam?
.
A maré está calma...
As águas parecem quedar:
O barco desliza e faz ondas,
Nas águas calmas e mansas,
Sopra uma ligeira briza
E o barco desliza...
.
Outro barco passa...
Já passou!
Por tempestades
Por dias de Sol...
.
Meu barco de contida graça
Semeia carneirinhos,
Branca espuma,
No verde-mar.
.
Quantos marinheiros respiraram este ar?
Quantos pescadores lançaram as redes?
Quantos mares acolheram estas águas?
Mágoas?
Meu barco abranda
Estava proibido de atracar
Nas palavras que oincelam
As cores deste náufrago.
.
- O barco vai parar!
Grito ao arrais.
.
Estou finalmente a chegar
Ao fim destas palavras
Olho as amarras
Com que prendem o barco...
A maré continua vazia...
Há tanto lodo no cais!
.
.
Rogério Martins Simões

Também quero um papagaio destes...

video

Reparem na sensibilidade musical deste papagaio.

terça-feira, agosto 04, 2009

Alcácer-Quibir


Faz hoje 431 anos (foi em 4 de Agosto de 1.578), que na Batalha de Alcácer-Quibir, desapareceu em combate (MIA)1 El-Rei D. Sebastião, Rei de Portugal.
Diz a lenda que ele irá reaparecer numa manhã de nevoeiro. Talvez por este país ser pouco propício a isso, eu tive a sensação de o ter visto aqui há tempos em Londres...
Se era ele estava com boa aparência.
.
1(MIA) Na moderna terminologia militar este tipo de situações é designado pela abreviatura MIA, que quer dizer Missing In Action.

segunda-feira, agosto 03, 2009

domingo, agosto 02, 2009

Arquimedes


PRINCIPIO DE ARQUIMEDES
.
.
Todo corpo mergulhado num liquido sofre, por parte do liquido, uma força vertical para cima, cuja intensidade é igual ao peso do liquido deslocado pelo corpo.
.
.
REFORMULAÇÃO DESTE PRINCIPIO
.
.
Todo o corpo mergulhado num líquido (água do banho) sofre,........uma série de chamadas telefónicas.

sábado, agosto 01, 2009

Efemérides


Faz hoje, precisamente 511 anos (1 de Agosto de 1498) que Cristóvão Colombo, viu pela 1ª vez, terra firme do continente americano. Tinha acabado de descobrir a Venezuela.